Conheça os vieses comportamentais do consumidor, um sabotador com boas intenções.

Nosso cérebro usa vários recursos para trabalhar e um deles é a heurística. Só que esse recurso nos induz a cometer erros em determinadas situações. Entender como elas funcionam nos levam a tomar melhores decisões de consumo.

O que é Heurística

Nosso cérebro é um órgão muito complexo que busca sempre a eficiência. Procura trabalhar com o menor esforço possível sem perder a qualidade, rapidez, rendimento e eficácia. Para isso ele usa de diversos recursos.

O modo piloto automático para decisões corriqueiras é um deles, por exemplo fazemos o mesmo trajeto paro o trabalho sem ter que analisar e pensar ou ainda em questões com escovar os dentes sem nem perceber. Esse recurso chamamos de Hábito.

O nosso cérebro também usa das informações do passado para tomar as decisões que necessitam ser de forma rápida, urgente sem ter que usar de muitas conexões. Como por exemplo reconhecer o que significa encontrar uma onça no seu quintal e sair correndo ou encontrar uma no zoológico e tirar uma foto. É a memória emocional comandada pela amíglada.

O danado deste cérebro também quer ser esperto e resolver os problemas sem muito esforço de maneira simples. Para que complicar e ficar perdendo tempo para tomar decisões? Para isso ele usa um recurso chamado de Heurística.

Assim as heurísticas são regras de bolso – atalhos mentais – para agilizar e simplificar percepções, avaliações das informações recebidas e assim tomar as decisões.

Esta simplificação no modo de trabalhar do cérebro é muito útil porque descomplica a tomada de decisões.

Porque simpatizamos ou não com uma pessoa antes de conhecer, só pelo primeiro olhar? Porque nosso cérebro já conclui antes de buscar as informações, analisar e pesquisar.


O que são os vieses comportamentais

Porém a vida não é tão simples assim, e esses atalhos podem nos induzir a errar a nossa percepção e julgamento, a racionalidade fica prejudicada e consequentemente tomamos decisões erradas.

O interessante disso é que esses erros de julgamento acontecem de forma sistemática e previsíveis para determinadas circunstâncias, como se fosse um erro de fábrica.

Esses erros chamamos de Vieses.

O estudo desses vieses e outros processos mentais relacionados a atitudes, costumes e hábitos se dá pelas Ciências Comportamentais.


Os vieses comportamentais e o nosso dinheiro

E a Educação Financeira é muito comportamental.

ebook Estilos Lesivos de Lidar com o dinheiro

Boa parte do sucesso em lidar com o dinheiro, como controlar o orçamento, realizar sonhos, consumir de forma x ou y, viver de acordo com sua situação econômica é estilo, atitude, hábito, comportamento.

Tem muita gente que entende de juros compostos e porcentagem, mas gastam mais do que recebem, desperdiçam muito dinheiro, não tem reserva de emergência ou não está preparado para a aposentadoria

Desta forma é muito importante entender como estes erros – vieses – se ligam a tomada de decisões que envolvem o dinheiro.


Essas tendências de comportamentos ligados à Educação Financeira podem ser divididas em:

Vieses do Investidor: são os erros comportamentais ligados ao ato de investir e aplicar o dinheiro.

Viés do Investidor – Imediatismo – pensar a longo prazo

Vieses do Poupador: que são os comportamentos que afetam a capacidade de guardar dinheiro, quais podem ser os obstáculos entre a intenção de guardar dinheiro e a efetivação dessa intenção.

Vieses do Consumidor: que trata dos erros comportamentais ligados a decisão de consumir produtos e serviços que atendam as nossas necessidades sem comprometer a saúde financeira. Ou seja, a regras heurísticas que nos fazem gastar mais.


É desse viés do consumidor que vamos começar a falar. Os mais comuns são:

Efeito Adesão (ou Manada), Efeito Halo, Falácia dos Custos Irrecuperáveis, Heurística do Afeto ou Afetiva, Ilusão de Controle, Viés da Atribuição, Viés do Ponto Cego, Contabilidade Mental, Ancoragem, Dor de Pagamento.

Cada viés trata de um determinado comportamento padrão.


Como se proteger de nós mesmo

Mesmo cada viés se referir a um comportamento específico, existem certas atitudes gerais que devemos tomar para não usar os atalhos mentais qualquer que seja.

👉Como repetidamente mencionado por aqui, a informação é sempre a melhor aliada. Assim para não cair nesses “erros de fábrica” saiba que todos nós em um determinado momento e situação vamos tomar uma decisão que se baseou na Heurística. Reconhecer este fato é o começo.

👉E como saber quais são esses “erros”? Se informe, pesquise, estude os vieses comportamentais. Nos próximos artigos vamos apresentar os mais comuns e o que pode ser feito no dia a dia para não cair nesses atalhos mentais.

👉Como o próprio nome diz viés comportamental, estamos falando do nosso modo de agir, nossas atitudes. Isto significa que o nosso lado emocional tem uma influência muito forte. Desta forma – como regra geral – nunca tome decisões de compras quando estiver no “calor das emoções”, raiva, euforia, depressão, ansiedade, estresse, otimismo exagerado, fome e saciedade são exemplos de sentimentos que interferem e prejudicam a nossa capacidade de decisões.

👉 Defina quais são as suas necessidades, quais as suas prioridades. Desta forma você só vai consumir aquilo que atenda e elas.

👉 Pesquise, pesquise, se informe, analise de forma analítica e crítica o produto, serviço e o local que pretende comprar.

👉 Se informe sobre consumo consciente e aplique na forma de consumir.

👉 Conheça as estratégias de vendas, publicidade, propaganda para não cair em armadilhas porque ela usam esses erros a seu favor.

👉E por fim usar o tempo como aliado. Decisões bem-feitas necessitam de tempo de maturação e coleta de informações. Desta forma nunca haja de forma Impulsiva.

Como coleta de informações, entende-se por pesquisa de preço, de qualidade, reputação. Inclua também origem, impacto, consequências para você, para o meio ambiente e para a sociedade.

Nos acompanhe toda segunda-feira que vamos explicar os vieses mais comuns.

Enquanto isso como aquecimento veja estas matérias:

Não deixe a publicidade e as propagandas influenciarem o que você consome

Descubra se os Influenciadores digitais estão dominando o seu estilo de consumo.

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – A emoção

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – Carências Afetivas e Financeiras

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – O comodismo

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – Agir sob influências culturais e tradições

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro: Pressão família, sociedade, marketing

Por que precisamos dos objetivos? Objetivos Financeiros II

Eu preciso ou eu quero? Objetivos Financeiros III

Como definir Metas Smart – Objetivos Financeiros IV

Como usar os 5 Rs – Repensar – Recusar – Reduzir – Reutilizar – Reciclar – nas finanças.

Como ser um Consumidor Consciente no Supermercado usando o 5R

A moda e a beleza agora é 5R, cada vez mais consciente.

O Turista e o Consumidor consciente adotando o 5R.

Aversão à Perda – Comportamento do Investidor I

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s