É possível viver sem ter dívidas? Dúvidas do divã?

Viver sem dívidas pode ser o sonho de muitas pessoas. Para outras algo inimaginável ou até impossível. Para alguns algo muito sério que leva a depressão, divórcio, brigas. Para outras faz parte da vida.

A boa notícia é que dá sim para viver sem dívidas. Adotando alguns comportamentos, estratégias e novos hábitos, salvo exceções temporárias como o desemprego, é possível viver sem dívidas.

Porém é preciso agir e mudar para um estilo de vida compatível com a sua renda.

Veja a seguir o que fazer em 7 passos.

1) O que você quer

Quando definimos o que queremos das nossas vidas, colocamos esses objetivos como sendo o nosso norte para as tomadas de decisões.

Isso é pensar a longo prazo, é traçar objetivos e metas.

Por exemplo, se você tem como objetivo a casa própria, ao ver o lançamento de um tênis novo não vai se empolgar e gastar comprando-o. Pois sendo o seu norte a compra da casa, este tênis deixa de ter sentido.

O que fazer:

Se dedique um tempo para pensar nos seus sonhos. Defina os objetivos e trace as metas para alcança-las. Anote, avise a todos, deixe bem claro.

Veja aqui os materiais que vão te ajudar: Todos os materiais disponíveis sobre metas, objetivos e sonhos

Saiba diferenciar o que é necessidade e o que é desejo.

Neste artigo falamos sobre o tema: Eu preciso ou eu quero? Objetivos Financeiros III

Defina as suas prioridades.

Nesta matéria tem tudo sobre Prioridade: A importância de ensinar a definir prioridades.

Orçamento familiar como guia de escolhas 28.07.20

Aprenda a agir pensando a longo prazo.

Veja aqui como fazer: Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – Não fazer planejamento nem pensar a longo prazo

Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – Não fazer planejamento nem pensar a longo prazo

2) Saiba qual é a sua realidade

Fundamental. Apenas fazendo um levantamento completo do quanto você recebe e do que gasta é possível ter um raio-x verdadeiro da sua situação.

De posse dessas informações, analise o orçamento, veja todas as despesas. Confronte com os seus objetivos e tire tudo aquilo que não entra nesses objetivos.

Talvez a parte mais difícil, afinal neste momento temos um choque de realidade, ao descobrir que não é possível consumir tudo aquilo do que gostaríamos, e a verdade as vezes é incomoda.

Mas se não encarar agora, depois o incomodo vira dor.

O que fazer:

Faça o seu planejamento financeiro. Elabore o orçamento, analise o resultado.

Veja estes materiais, lá também tem modelos de orçamento.

Planejamento Financeiro –Jamais desista da Organização– Episódio 3

Planejamento Financeiro – Orçamento, O nosso Guia – Episódio 4


3) Descubra outros prazeres na vida.

A vida não é baseada no que consumimos.

A vida não se define pelo que você tem.

Descubra outros lados da vida. Experiências, vivências, liberdade, espiritualidade, família…

O que fazer:

Já ouviu falar em Consumo Consciente?

É consumir somente aquilo que é importante, necessário, pensando no impacto que estes produtos ou serviço causam na sua conta bancária, no meio ambiente, na economia e na sociedade.

Estes materiais vão de dar uma ideia:

Dê uma olhada nessas matérias para te inspirar.

O lazer virou uma fonte de consumo?

Viver precisando de menos e ser mais feliz. Isso é possível?

O dinheiro traz felicidade?

A forma como você consome transforma a tua vida e a do mundo. Este poder esta em suas mãos

O dinheiro é o item mais importante da sua vida. Será?

Você sabe dar valor ao seu dinheiro?

O que é Riqueza? Acumular dinheiro?

O que é Riqueza? Acumular dinheiro?

4) Planejamento é tudo

Se antecipar nas compras tem como benefício o controle do dinheiro. Vai ter um churrasco? Vá guardando dinheiro para ele antes. Pesquise preços, faça um orçamento de todos os gastos.

Isso evita que o entretenimento vire pesadelo.

O que fazer

Tenha esta atitude em tudo, desde a compra mensal do supermercado, as festas de fim de ano, o dia das crianças e até a troca do celular, da geladeira.

Baixe este Planner e use para todo evento, férias, festas, aniversário…

Estes materiais vão te ajudar.

Veja aqui todos os materiais disponíveis sobre Planejamento Financeiro.

Já pensou em fazer um planner de Páscoa?


5) Elimine o desperdício.

Desperdício é tudo aquilo que compramos e não usufruímos.

Desde a água da torneira ligada enquanto escova os dentes, passando pela laranja que estragou antes de ser consumida terminando no pacote de internet muito maior do que o consumo médio.

Desperdício é jogar dinheiro fora. Literalmente.

Então revise todos os gastos fixos, será que não há excessos? Veja como diminuir. Elabore metas específicas.

Por exemplo, reduzir a conta de luz em 10%, para isso pense quais serão as atitudes e comportamentos para alcançar esta redução.

Use esta tabela, ela vai ajudar

Fazendo Acontecer


6) Use mais o “não”

Muito do nosso consumo é consequência das pressões que vivenciamos. De colegas de trabalho, amigos e parentes, das propagandas e marketing e da própria família.

Não há nada de errado em não ir na balada onde todos vão, nem ter um celular igual aos amigos. Se você é julgado pelas suas posses é hora de rever com quem convive com você.

Este e-book vai te ajudar:

Ebook – “Estilos lesivos de lidar com o dinheiro – uma viagem aos mais diversos comportamentos”

Lançamento ebook Estilos Lesivos de Lidar com o dinheiro

7) Seja precavido

Tenha uma reserva de emergência e se planeje para a aposentadoria.

Aqui falamos um pouco sobre a reserva de emergência:

Onde Investir o meu dinheiro? A divisão

E temos uma série completa sobre o Planejamento da Aposentadoria, comece por este:

Aposentadoria: Porque devo me preocupar o quanto antes?

Aposentadoria: Porque devo me preocupar o quanto antes?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s