Planejamento Financeiro – Orçamento, O nosso Guia – Episódio 4

O Orçamento Doméstico é o coração do Planejamento Financeiro, é o nosso Guia, é o nosso Orientador, é o nosso Raio X.

Hoje vamos falar do Orçamento Doméstico, é a parte principal dentro do Planejamento Financeiro. Tudo converge nele. Os dados que registramos alimentam o Orçamento. Nossos objetivos vão o alimentar e dar o tom a ele. E é deste Orçamento que vamos conseguir enxergar para onde está indo todo nosso dinheirinho. É dele que vamos nos basear para traçar as nossas estratégias. Por isso ele é o nosso Guia.

“O objetivo do Orçamento é fazer com que você gaste MENOS do que recebe. E é nesta capacidade que está todo o seu poder. Todo o seu fascínio.“

Começamos diferenciando Receita e Despesa.

RECEITAS E DESPESAS

Tudo o que entra são as Receitas. Todos os rendimentos, holerite, recebimento de aluguel, comissões, lucro das suas vendas como Empreendedor Individual, etc.

Tudo o que sai são as Despesas. Tudo o que você gasta. Desde as compras no supermercado, metro, assinaturas, os juros do rotativo do cartão de crédito, despesas bancárias até o pastel da feira. A forma como se gasta não importa neste momento, tanto faz se foi no cartão de crédito, débito automático, cheque pre datado, dinheiro. Sai da conta no banco ou da tua carteira tem que ir para o Orçamento.

Sabe aquelas informações que você coletou na fase Organização, que explicamos direitinho no episódio 3 – Planejamento Financeiro – Jamais desista da Organização? São esses os dados que você vai usar. As receitas serão todas somadas. As despesas serão debitadas. O saldo é o valor que você possui.

Para facilitar na hora de fazer as previsões ou na hora de cortar os gastos, separe as receitas e as despesas entre fixas e variáveis.

CATEGORIAS

Para visualizar melhor e lá na frente “entender” para onde seu dinheiro esta indo e conseguir reduzir gastos desnecessários dividam esses dados todos em grupos, chamadas de categorias. Gastos parecidos são agrupados na sua respectiva categoria. Crie conforme a sua realidade.

Porém existem muitas categorias que são comuns e pode servir de inspiração. Por exemplo: Alimentação, Transporte, Vestuário, Entretenimento, Saúde, etc.

Importante: crie uma categoria para Investimento e outra para Metas ou realizações de Sonhos.

CLASSIFICAÇÃO

Agora que a coisa fica interessante. E muito importante. De nada adianta fazer o Orçamento ver o resultado e guardar na gaveta.

Ah, minhas contas estão no azul, não preciso fazer mais nada!!!!

Será?

Será que não da para fazer mais?

Será que não tem um sonho que acha impossível? Ou pode ser uma questão de melhorar os gastos e assim juntar o tal dinheiro e conseguir?

Será que estou acomodado? Que tal sair um pouco da zona de conforto e alcançar mais realizações?

E por outro lado o resultado ficou vermelho. O que fazer? Como cortar?

Comece CLASSIFICANDO todos os GASTOS conforme a PRIORIDADES que este gasto representa para você, para sua família.

Para facilitar nossa vida, dividimos essas prioridades em apenas essas 3.

  • N – Necessidades = tudo o que é essencial para sua vida. São imprescindíveis para viver dignamente bem. Exemplo: alimentação, moradia, vestuário.
  • S – Supérfluos (desejo) = tudo o que for acima ou a mais da necessidade. São as gastos que geram bem-estar e estão ligados mais aos desejos do que às necessidades. Exemplo: Lagosta (ao invés de frango), Vinho Tinto importado, TV a cabo Premium, roupa de marca de luxo.
  • D – Desperdício (lixo) = são gastos que não geram bem-estar, nem estão ligados às necessidades ou aos desejos. Podemos dizer que se trata de dinheiro “jogado no lixo”. Exemplo: Jogar comida fora porque estragou, esquecer a luz ligada na sala, deixar torneira pingando, comprar um boné que nunca vai usar.

Olhe o seu orçamento com esta perspectiva e você vai ver se surpreender. Saiba mais lendo este artigo: Orçamento familiar como guia de escolhas.

Para entender um pouco a diferença entre desejo e necessidade leia este artigo: “Você compra desejo ou necessidade”.

PLANILHAS

Fazemos o Orçamento em uma planilha, uma tabela, um caderninho, um aplicativo um programa na internet.

Neste episódio damos dicas do modelo ideal para você: Planejamento Financeiro – Jamais desista da Organização– Episódio 3.

Clique aqui e baixe um modelo para imprimir ou baixe aqui uma planilha do excell.

Pronto, você já esta apto a fazer o seu Orçamento. O Planejamento Financeiro está quase ficando pronto. Aguarde a continuidade na semana que vem.

Veja toda a série completa:

Planejamento Financeiro – O que é? – Episódio 1

Planejamento Financeiro – A flecha – Episódio 2

Planejamento Financeiro –Jamais desista da Organização– Episódio 3

Planejamento Financeiro – Orçamento, O nosso Guia – Episódio 4

Planejamento Financeiro – Aonde você quer ir? – Episódio 5

Planejamento Financeiro –Analisar faz toda a diferença – Episódio 6

Planejamento Financeiro –Tudo Junto em um ebook– Episódio Especial

Ou baixe o ebook;

Capa ebook Planejamento Financeiro – Todos os episódios da série juntos

Utilize esses princípios do Planejamento Financeiro e Orçamento e faça um exclusivo para momentos específicos com agora, Natal e Fim de ano.

Veja como baixando nosso ebook “Guia Definitivo: Natal sem Dívidas.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s