Cuidado: Investir também vicia

Normalmente associamos o vício à falência financeira que este mesmo vicio causa. Mas também ocorre de pessoas ficarem obcecadas em ganhar dinheiro, porém por mais paradoxo que pareça ela pode levar à perda financeira. Conheça o vício em investir.

Começamos definindo o que é um vício ou prática compulsiva. Entre outras definições, vício – no sentido medicinal e psicológico é uma dependência de uma ou mais de uma droga estupefaciente ou de bebida alcoólica, levando a um consumo geralmente incontrolável. Porém o vício não está somente ligado ao consumo de substâncias químicas. Há vícios comportamentais. Os mais conhecidos são jogar, roubar, comer, sexo e mais recentemente o vício em tecnologia (celular, jogos, vida on line). Para a Organização Mundial da Saúde, vício é uma doença física e psicoemocional.

O grande problema do vício ou da prática compulsória é identificar quando se trata de um hábito ou quando este hábito já se tronou um vício.

Basicamente é quando não há mais equilíbrio, quando a pessoa não consegue mais ficar sem, quando a compulsividade se instaura, quando as consequências são danosas, quando esse “habito” se torna prejudicial. Quando se instaura problemas na família, problemas de saúde – física e mental, problemas financeiros e problemas no trabalho.

Nesse sentido vem ocorrendo de pessoas ficarem obcecadas em investir e ganhar muito, muito dinheiro com isso. Normalmente são pessoas que investem na bolsa de valores, mas a grande maioria opera com day trader. São dependentes em operações de risco, em aposta. E se assemelham com a dependência em jogos de azar (cassino, pôquer, corrida de cavalos, etc.).

Não confundir com pessoas (excessivamente) obstinadas em guardar, poupar, juntar dinheiro. Aqui a pessoa vive uma vida mais austera, morre de medo de perder dinheiro ou de passar necessidades no futuro e por isso investe tudo o que consegue guardar em aplicações de baixo risco e acumula bens materiais como garantia.

O que move o viciante em investimento é diferente, ele quer ganhar dinheiro. O grande problema atualmente que potencializa esse vício, é o número considerável de post em redes sociais ou internet convidando para entrar neste mundo onde ganhar dinheiro é fácil e rápido. Exemplos (reais?????) de sucesso não faltam. Sem contar com inúmeras propagandas de “investimento” maquinado a realidade. Porém se trada na realidade de apostas. Já falamos aqui sobre esses perigos, armadilhas. É preciso cautela.  Veja em CUIDADO: Investindo como se fosse um gamer! e Cuidado: Investir seguindo apenas opiniões de influencers

Alguns tipos de comportamento do viciado:

  • – passar horas analisando os índices da bolsa de valores (a primeira coisa que faz ao levantar) e negociando com home brokers a ponto de deixar família, amigos e trabalho em segundo plano causando rupturas, brigas e conflitos,
  • – não ficar sequer um dia sem olhar o mercado financeiro, as suas ações, os índices e se não conseguir entra em pânico;
  • – fica com excessiva raiva quando o mercado não reage da forma com esperava ou planejava;
  • – faz tudo isso escondido;

A agora a coisa fica perigosa:

  • – começa a apostar ao invés de investir, porque quer ter retorno rápido, ganhos cada vez mais altos e com isso começa a perder dinheiro.
  • – aposta cada vez mais e por mais tempo porque já começou a perder dinheiro e quer recuperar o dinheiro perdido;
  • – achar que é um jogador nato, pessoa de sorte e esperto e por isso investe, ou melhor aposta cada vez mais o seu patrimônio. E obviamente como são aplicações altamente arriscadas a probabilidade de perder tudo é maior do que ganhar.
  • – se ilude achando que está no controle.
  • – esconde dos outros os prejuízos.

O que fazer:

  • – determine estratégias de investimento de acordo com seu objetivos, seu perfil e a finalidade do uso, siga fielmente a ele. Veja nossa série sobre Onde Investir e saiba como fazer.
  • – estabeleça margens de perda ou valores mínimos e siga rigorosamente.
  • – procure ajuda, já existem grupos de apoio. Procure por Jogadores anônimos. Se não tiver perto de sua localidade busque terapia.
  • – encare o problema como uma doença médica e não uma questão meramente comportamental ou de julgamento.
  • – desenvolva a Inteligência Emocional, crie formas de controlar a ansiedade, depressão, raiva.
  • – se quiser enriquecer procure outros tipos de negócios. Bolsa de valores é para investir a longo prazo, construir a sua aposentadoria e potencializar o seu capital que foi adquirido por outros meios.
  • – day trader não é essa maravilha que vendem, procure se informar. Pesquise, pesquise, pesquise. Se informe com os mais diversos meios. Existe inclusive uma pesquisa sobre isso. Veja aqui a pesquisa.

Veja toda a série sobre Cuidados na hora de investir

CUIDADO: Investindo como se fosse um gamer!

CUIDADO: Mesada para crianças investirem na bolsa.

Cuidado: Investir seguindo apenas opiniões de influencers

CUIDADO: Pirâmides Financeiras caem

Assine nossa newsletter e não perca nenhuma informação

Processando…
Sucesso! Você está na lista.

Fontes:

Goleman, Daniel PhD. – A Inteligência Emocional: A Teoria Revolucionária. Ed. Objetiva.

Pereira, Glória Maria Garcia – As personalidades do dinheiro – Ed.Campus.

Site visitados:

Dinheirama

PUC SP

Exame

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s