Dicas de como sair da crise financeira

Reunimos as 12 principais dicas do Orçamento em Crise

Muito do sucesso do” Orçamento em Crise –estratégias para sair de uma crise financeira” esta ligado ao lado Comportamental – controle das emoções e atitudes, tanto é que uma das definições de Educação Financeira é a aprendizagem de atitudes voltadas para ações financeiras juntamente com os conceitos. Por isso foque nas atitudes, costumes e hábitos seguindo esta dicas:

1) Controle as Emoções

Não use o ato de comprar como válvula de escape contra ansiedade, depressão, frustração, medo, muito menos movido pelo sentimento de inferioridade, orgulho e fracasso. Não aja movido pela impulsividade ou ostentação. Para não se deixar influenciar pelas emoções leia a próxima dica; Veja o ebook: Estilos lesivos de lidar com o dinheiro, onde têm muitas dicas do que fazer para controlar as emoções. Ou veja o artigo A emoção.

2)Cuide da Saúde Mental

Cuide do equilíbrio emocional. Faça atividades físicas (caminhar, correr, nadar, andar de bicicleta – existem muitas que não custam nada), meditação, ioga, bate papo com amigos. Se desligar ouvindo música também traz benefícios. Vale fazer artesanato, desenhar, pintar, bordar – veja o que tiver em casa (não vale gastar dinheiro e te deixar mais apertado). Descubra o que te traz prazer e invista sua energia nele. E por fim vale uma consulta com psicólogos ou psiquiatra (tem muito profissional oferecendo ajuda pela internet com iniciativas gratuitas).

3)Mude hábitos

Implante mudança de hábito que te faça reduzir gastos. Por exemplo, estipular metas e seguir a risca, controlar diariamente os gastos, comprar estritamente o que estiver na lista de compras, fazer a sua própria comida, passear em parques ao invés em locais de compras, usar menos o carro, fazer programas de passeio e entretenimento gratuitos. Use o Método Smart, veja aqui como.https://cademeutesouro.files.wordpress.com/2020/12/vamos-falar-de-2021.pdf

4)Aplique a Dinâmica Necessidades x Desejo

Ferramenta muito útil nas decisões de compras. Use-a para eliminar os supérfluos (desejos).

5)Se torne um consumir consciente.

Consumir conscientemente por incrível que parece faz você economizar dinheiro. Você vai analisar, e estudar cada compra. Cada consumo vai ter um propósito, uma razão e assim o consumismo vai deixar de pautar as decisões de compras. O Consumidor Consciente repensa, recusa, reduz, reusa e recicla os produtos e serviços.

6)Aumente a Renda – Venda o que for possível.

Parece óbvio, mas é bom sempre repetir: Pode ser no mesmo local onde já trabalha, pode ser trabalhando em outro lugar, oferecendo serviços naquilo que você é bom, dando aulas, produzir algo e vender.

Além disso, vale verificar o que você tem que possa ser vendido. A TV do quarto (boa oportunidade de manter a família unida), bicicleta, skate, smartphone, Playstation, móveis em bom estado. Vale inclusive ver na cozinha aquele aparelho esquecido e usado raramente. Joias, relógios, roupas também podem entrar na lista.

E para potencializar ainda mais o sucesso mais algumas dicas:

7)Analise o Orçamento Doméstico

Crie um item no Orçamento Doméstico exclusivo para pagamento de dívidas – com isso você consegue comparar o quanto você gasta com o cotidiano com o quanto você gasta pagando as dívidas. Use esta informação para estipular os valores destinados a eliminar dívidas.

E crie outro para financiamentos/empréstimos – desta forma você consegue comparar a quantidade de valor que você paga usando o crédito (dinheiro de outros e não o seu próprio), com o valor que você gasta usando seu dinheiro (tudo o que você pagou à vista). Estabeleça uma meta para reduzir esta porcentagem. Use a próxima dica para isso.

Vale a pena ler o artigo Como transformar seu Orçamento Familiar em Pizza

8)Estipule metas via Smart How

Comece estipulando meta para equilibrar as contas. Mesmo que ainda não esteja em fase “eliminar dívidas” tente estipular uma data futura e defina a meta com base nesta informação. Faça isso com cada dívida (1 dívida = 1 meta), vai ajudar no planejamento como um todo. Baixe aqui a planilha Smart, e a planilha para Gerir todas as sua Metas – Fazendo acontecer.

9)Aprenda a calcular os juros que você paga quando consome crédito

Tudo, desde o cheque especial, cartão de crédito, empréstimo consignado, financiamentos, compras parceladas. Isso te ajuda e enxergar quanto dinheiro você “joga fora” nos juros. Também vai te ajudar a verificar se nas negociações ou nos contratos firmados a cobrança esta sendo feita de forma correta.

10)Descubra qual é a sua carga de endividamento

Com base neste valor você consegue verificar se o nível de endividamento esta dentro do suportável. Veja no ebook Crédito como calcular.

11)Fique de olho em golpes e abusos

Redobre a atenção com ofertas de crédito fácil (quanto mais fácil mais caro é = maiores juros), e também com escritórios de cobrança falsos- verifique sempre se se trata de escritório de cobrança legítimo (pessoas má intencionadas têm acesso a lista de pessoas negativas e oferecem bons descontos na dívida se passando pelo legítimo credor).

12)Concentre-se em renegociar (ou eliminar) os custos fixos

Os custos fixos são as tuas obrigações “contratuais” e não tem como deixar de consumir sem antes alterar o contrato, ao contrário dos custos variáveis. Por exemplo, o plano de internet, celular e TV; aluguel; mensalidade escolar e academia; financiamentos casa e carro, condomínio, tarifas bancárias, tem prefeituras que estão parcelando IPTU. Aproveite que o mercado está propenso a aceitar reduções. Como são pagamentos regulares, cada centavo economizado conta; você multiplica por 12 e terá o valor anual de economia e vai ver que é bem maior do que imagina.

Para acompanhar toda a série do Orçamento em Crise, reveja estes posts

Situação Emergência pede um Orçamento em Crise

Orçamento em Crise: Aprenda a Priorizar

Orçamento em Crise, chegamos: Eliminando Dívidas

Negociando Dívidas: Dicas

Vale a pena ler este 📚 ebook, é gratuito

capa do ebook “O Orçamento Doméstico em tempos de crise financeira”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s